Torna-se essencial que a população colabore no fornecimento de informação sempre que liga para o 112. Essa informação poderá fazer a diferença em situações de emergência bem como na gestão dos recursos de socorro, promovendo uma correta e eficaz utilização dos mesmos.

- Quem me atende quando ligo 112?

São agentes da PSP que atendem o 112, que dependendo da situação, transferem para o serviço apropriado.

- Informação a prestar quando liga para o 112?

Quando ligar para o 112 deverá fornecer toda a informação que lhe é solicitada.

- Se necessitar de uma Ambulância, com quem vou falar?

No caso de uma emergência médica, o 112 transfere a chamada para a Linha de Emergência Médica, onde estabelece diálogo com um Enfermeiro.

- É mesmo necessário falar com um enfermeiro para solicitar uma ambulância?

Sim. O enfermeiro possui conhecimentos e experiência que poderão fazer a diferença em situações de emergência médica, nomeadamente na identificação de situações graves e no aconselhamento de emergência.

- A triagem realizada é importante?

A triagem é fundamental para a gestão dos recursos de emergência. Promove o envio dos meios mais adequados para cada situação. Promove a equidade de resposta para todos os utentes.

- O que devo fazer para colaborar com a triagem?

Deverá fornecer toda a informação que o enfermeiro pedir e cooperar na realização das ações que o enfermeiro solicitar. Essas ações poderão salvar vidas.

- As questões colocadas não atrasam o envio de ajuda?

Não. O sistema está preparado para que logo que seja identificada uma situação de emergência, o envio de ajuda seja providenciado em simultâneo com a recolha de informação.

- O tempo de demora da chegada de uma ambulância é igual em todas as situações?

Não. O tempo de chegada da ambulância pode variar conforme a prioridade que é estabelecida. Nas situações mais urgentes, a saída do meio é imediata, enquanto em situações não urgentes pode variar entre 40 a 120 minutos.

- É possível agendar consulta através da Linha de Emergência?

Sim. O agendamento de consultas é realizado de acordo com a melhor resposta para o problema do utente, ou seja, nem todas as situações possuem critérios de serem resolvidas num serviço de urgência, devendo ser encaminhadas para o médico de família ou consultas de apoio.