SRPCBA

Açores recebem campeonatos nacionais de Trauma e de Salvamento e Desencarceramento em 2019

  • 24, Novembro de 2018

O Secretário Regional da Saúde anunciou, no Nordeste, que os Açores vão ser palco no próximo ano de duas provas nacionais para equipas de bombeiros de socorro e salvamento, competições que deverão movimentar cerca de 500 pessoas, entre participantes e familiares.

 

“É uma honra podermos receber, em maio, na Terceira, o Campeonato Nacional de Trauma e o Campeonato Nacional de Salvamento e Desencarceramento, numa organização conjunta da Associação Nacional de Salvamento e Desencarceramento e da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Praia da Vitória, com a colaboração do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores”, adiantou Rui Luís.

 

O titular da pasta da Proteção Civil falava sexta-feira na cerimónia de abertura do Campeonato Regional de Trauma – Arquipélagos, que decorre até domingo no Nordeste, em São Miguel.

 

Nesta prova participam equipas das associações de bombeiros da Praia da Vitória, Faial, Nordeste, Santa Cruz das Flores e São Roque do Pico, além de duas equipas do arquipélago da Madeira.

 

O Campeonato Regional do Trauma, além de proporcionar a competição, é uma plataforma de aprendizagem, comparação de técnicas e competências, através de uma avaliação que obedece à metodologia da World Rescue Organisation.

 

“As equipas de salvamento aqui presentes têm a oportunidade de demonstrar as técnicas de abordagem à vítima de trauma, através da simulação de vítima real, e, nesta partilha, aperfeiçoar técnicas e nivéis de eficácia”, frisou Rui Luís.

 

O Secretário Regional salientou que os bombeiros e outros profissionais do pré-hospitalar são confrontados no quotidiano com novos desafios, que exigem atualização de competências para a abordagem à vítima, até à chegada de ajuda médica diferenciada.

 

“A participação destes profissionais nestas provas é de extrema relevância porque lhes permite pôr em prática e avaliar as técnicas e conhecimento das ferramentas que vão utilizar em situações reais”, acrescentou.

 

Na vertente da competição, esta prova servirá para apurar as equipas que vão participar no Campeonato Nacional de Trauma, que terá lugar, de 17 a 19 de maio, na Praia da Vitória, sendo o percurso para o acesso ao Campeonato do Mundo de Trauma, que se realiza em setembro, em França.

 

“A nossa história recente demonstra as boas prestações que as equipas açorianas têm tido em campeonatos nacionais e mundiais de Trauma e este deve ser um motivo de orgulho para a população açoriana”, sublinhou o Secretário Regional.

 

GaCS/MS

Imprimir